Planejar ou modificar o treinamento para atletas com lesões associadas ao uso excessivo

Nosso Coach Marcelo Lopes fala um pouco sobre começar a planejar ou modificar o treinamento para atletas com lesões associadas ao uso excessivo.

Primeiro o treinador deve entender que as lesões por uso excessivo são mais comuns em movimentos repetitivos que aumentam o acúmulo de estresse. Portanto, para evitar a lesão por uso excessivo é necessário avaliar e entender a lesão atual do atleta. Sendo assim, é importante conhecer os limites atuais de toda a estrutura musculoesquelética envolvida na lesão do atleta. Esses limites são principalmente determinados por variáveis anatômicas e biomecânicas, além do estado atual de treinamento, força e flexibilidade dos músculos específicos. Claro, nem sempre é possível conhecer esses limites exatamente, mas é possível minimizar o risco de lesões ao entender completamente os principais fatores de risco clínicos e biomecânicos. Além disso o risco aumenta quando o atleta tem uma má nutrição, pouco descanso ou sono e tem uma carga de treinamento incorreta em relação ao que ele pode realmente absorver.

Tendo tudo isso em mente, o treinador terá condição de planejar o treinamento do atleta de forma bem sucedida, criando uma base, tendo consistência, fortalecimento de músculos específicos e suporte com bons hábitos (ótima nutrição, hidratação continua, tempo de descanso).

Sobre o autor:


Marcelo Lopes é educador físico, técnico certificado pela marca IRONMAN, Corredor a mais de 25 anos e triathleta a mais de 13 anos. Possui cursos no exterior na UNIVERSIDADE DE BOULDER – CO – ESTADOS UNIDOS realizados pela empresa Trainingpeaks com foco na natação, ciclismo, corrida e fortalecimento. Mais de 500 atletas já foram treinados por Marcelo.

Instagram – @marcelohslopes

       

teste 01

 

Mantemos os seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam este serviço possível. Leia nossa política de privacidade.